Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

This Is Me in a Nuttshell

... que é como quem diz, esta aqui sou eu. Rodeada de livros, com música nos ouvidos, com cinema ou séries no ecrã da TV ou Youtube no computador. Não é difícil me fazer feliz. Bem vindos :)

This Is Me in a Nuttshell

... que é como quem diz, esta aqui sou eu. Rodeada de livros, com música nos ouvidos, com cinema ou séries no ecrã da TV ou Youtube no computador. Não é difícil me fazer feliz. Bem vindos :)

You'll Never Walk Alone

Novembro 29, 2016

Quem vibra com futebol sabe que You'll Never Walk Alone é um hino intemporal. Seja a apoiar a sua equipa (no caso concreto do Liverpool ou do Dortmund), seja em homenagem a alguém do mundo do futebol, o simples facto de ouvir todo um estádio a cantar isto em uníssono dá arrepios. A letra tem uma mensagem de união, de esperança. You'll never walk alone, não estás sozinho, nós estamos sempre aqui, nos bons e maus momentos.

 

Gotham Temporada 2

Novembro 28, 2016

Umas breves notas antes de ir ao tema do post. A temporada 3, intitulada Mad City (só vai haver resumo quando acabar a temporada), está ao rubro. Um vírus raivoso, ligações improváveis, ciúmes... O verdadeiro pratinho cheio.

Mas falando da temporada 2, foi transmitida entre 2015 e 2016 e foi dividida em duas fases.

ojp3gouwmjuag5zchj39-e1437731982115

Com a aparente morte de Fish Mooney, Oswald "Penguin" Cobblepot auto-intitula-se o Rei de Gotham. O terror espalha-se pela cidade, principalmente porque Arkham foi tomada de assalto pelos irmão Galavan, Theo (James Frain) e Thabita (Jessica Lucas), e os loucos mais perigosos da cidade andam à solta. O plano de Galavan é aparecer como o salvador da cidade, o homem que vai repôr a segurança e colocar os loucos de volta em Arkham. Mas há um motivo oculto nas acções de Galavan. A sua família tem um ódio visceral de séculos pela família Wayne e cabe-lhe a ele acabar com a linhagem ao matar Bruce.

Entretanto Bruce com a ajuda de Albert (Sean Pertwee), o mordomo, vai à procura de respostas sobre a morte dos pais e mais tarde sobre as empresas da família. 

gotham-wrath-of-the-villains

No fim de Rise of the Villains, Gordon consegue matar Galavan que entretanto tinha raptado Bruce. Usando da informação do ódio que Cobblepot tinha por Galavan por ele lhe ter morto a mãe, Gordon consegue que as culpas caiam sobre Penguin e este acaba preso em Arkham. E é neste lugar de malucos que aparece uma nova personagem forte da série, o Dr. Hugo Strange (BD Wong) e a sua assistente, a Mrs. Peabody (Tonya Pinkins). Usando a sua influência como director do manicómio, consegue manter em segredo o seu projecto paralelo. Nas catacumbas de Arkham, Strange mantém verdadeiros monstros, pessoas a quem foram dadas capacidades que não tinham, misturas de animais com pessoas. O projeto chama-se Indian Hill, um nome que Bruce descobre mais tarde estar ligado à empresa da família e que o põe a questionar-se se os valores dos pais não teriam sido de algum modo corrompidos.

The Affair Temporada 2

Novembro 27, 2016

Antes de fazer o resumo sobre a segunda temporada da série, umas breves notas sobre a premiere da terceira. O ponto de partida do novo enredo é estranho. O salto temporal é enorme, o Noah está meio alucinado, o raio da francesa é demasiado assanhada e os flashbacks fazem um bocado de confusão. Vamos lá ver se com o avançar da temporada isto fica menos turvo...

Passando ao tema, tal como na primeira temporada, esta foi curtinha (12 episódios) e foi transmitida durante o ano de 2015.

the-affair-season-2-poster

 A série deixa de ter apenas as visões de Noah e Allison. À trama são acrescentadas as visões de Helen e Cole, bem como as repercussões que o caso entre Noah e Allison passam a ter no casamento de ambos. De um lado o divórcio de Helen e Noah com a consequente "guerra" de costódia dos filhos; do outro a separação e consequente divórcio de Allison e Cole.

Enquanto o casal ilícito "se esconde" numa cabana junto ao rio nos arredores de Nova Iorque (Noah já tem ideia para o novo livro e usa a casa como retiro de escrita), Cole e Helen entram numa espiral de auto-destruição enquanto "lambem as feridas" pelo fim dos seus relacionamentos.

Nesta temporada, chega-se ao culminar do mistério que durante a primeira temporada foi sendo desvendado aos bocadinhos, episódio a episódio. Scotty Lockhart, o irmão de Cole, foi morto. Quem o matou? A resposta é surpreendente.

 

"Tudo é perigoso na vida,(...)"

Novembro 26, 2016

"- Os obstáculos - disse muito seriamente Fergusson - só se inventaram para se removerem; e quanto aos perigos, quem pode gabar-se de os evitar? Tudo é perigoso na vida, até sentarmo-nos à mesa ou pormos o chapéu na cabeça."

 

Júlio Verne, Cinco Semanas em Balão, 11x17

Black Friday

Novembro 25, 2016

Meus amigos, fiquem com a opinião do Dário Guerreiro aka Môce dum Cabréste sobre essa importação mal amanhada que fizeram por cá que é a Black Friday. É que as benditas promoções duram o fim de semana todo na maior parte dos casos. A ser assim, chamem-lhe Black Weekend!

Quanto à linguagem, bem, já sabem, estão por conta e risco que isto de se falar para a Internet dá corda à língua e sai de tudo.

BTT - Grato/a

Novembro 24, 2016


Aqui nos Estados Unidos é dia de Acção de Graças. Por isso, que que é que estás grato/a este ano no que toca a leituras?


Nos livros preferidos, um gadget novo para ler, uma poltrona nova? O simples facto de SER leitor/a? Ter internet para partilhar ideias, recomendar livros, debater sobre eles?



 


Em primeiro lugar, estarei sempre grata a quem me tornou uma leitora e a quem me incentivou a continuar a lê-lo. Estou grata a quem me ofereceu livros ao longo da vida. Estou grata por ter tempo para me deliciar com um bom livro. Estou grata por ter o discernimento mental para o fazer. Estou grata por ainda ter uns trocos para comprar livros novos. Estou grata por pertencer a uma enorme comunidade de pessoas com este vício tão saudável, os livros.


 


Ideia original em Booking Through Thursday

Queques de Alfarroba

Novembro 23, 2016

O meu sistema imunitário sempre foi um sacana no que toca a arranjar-me problemas e maleitas. Uma alergia aqui, uns sintomas esquisitos acolá, mas tudo muito controlável. A conversa mudou de figura quando o sacaninha resolveu começar a mexer com a minha boca, que é como quem diz, com as coisas que eu como. E uma das coisas que o sacaninha me roubou foi o chocolate.


Ora, quem não tem cão caça com gato e vai de procurar algo que o substitua. E encontrei. Bem conhecida para os lados do Alentejo e do Algarve, tem cor de chocolate, tem sabor de chocolate mas não é chocolate: é alfarroba. E posso-vos dizer que já enganei muito boa gente com receitas com alfarroba. A achar que era chocolatinho e toca de elogiar o pitéu e nem uma miligrama chocolatada a receita tinha!


Ora bem, esta receita de queques rende 12 unidades.


11924553_1099428773419454_8358946129142357922_n.jp


Ingredientes.



  • 2 ovos

  • 125 gr. de açúcar

  • 80 gr. de farinha sem glúten (pode ser uma mistura já pronta tipo Schär Mix Dolce, Doves Farm, Nacional sem glúten, uma mistura preparada manualmente…)

  • 20 gr. de farinha de alfarroba

  • 125 ml. de creme vegetal para sobremesas (usei de soja, da Alpro)

  • Vinho do Porto a gosto

  • 1 colher de chá de fermento em pó sem glúten


Preparação:



  1. Pré-aquecer o forno a 200 graus.

  2. Bater muito bem os ovos com o açúcar

  3. Adicionar o creme vegetal e voltar a bater.

  4. Adicionar o Vinho do Porto e voltar a mexer bem.

  5. Adicionar as farinhas e o fermento em pó e bater a massa até obter uma mistura bem cremosa.

  6. Colocar formas de papel no tabuleiro para queques e distribuir a massa pelas formas.

  7. Levar ao forno a 180 graus durante 20 minutos. (não deixar exceder esse tempo ou os queques não ficam com uma consistência fofinha e húmida)

  8. Tirar as formas do tabuleiro e deixar arrefecer numa grade para bolos.


E bom apetite!

Pág. 1/3

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.