Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

This Is Me in a Nuttshell

... que é como quem diz, esta aqui sou eu. Rodeada de livros, com música nos ouvidos, com cinema ou séries no ecrã da TV ou Youtube no computador. Não é difícil me fazer feliz. Bem vindos :)

This Is Me in a Nuttshell

... que é como quem diz, esta aqui sou eu. Rodeada de livros, com música nos ouvidos, com cinema ou séries no ecrã da TV ou Youtube no computador. Não é difícil me fazer feliz. Bem vindos :)

Pudim de Leite de Côco

Sempre que há uma celebração qualquer na família, seja um aniversário, um lanche, um almoço, há uma sobremesa que não pode faltar na mesa: o Pudim de Ovos da Mãe Maia. É uma daquelas receitas antigas, do tempo da minha avó ou quem sabe até mesmo da bisavó. Por isso, já é mais do que conhecida e provada no seio familiar. Ora, como um dos principais ingredientes do pudim é o leite, foi preciso arranjar uma alternativa para que eu pudesse comer também.

Esta receita foi a primeira sobremesa que eu experimentei fazer quando entrei na era “Allergy-free”.

fotografia0067.jpg

 

As quantidades apresentadas fazem um pudim de bom tamanho usando uma forma de pudim canelada de 18 cm.

Para o caramelo

  • 1 chávena de açúcar branco
  • 1/4 de chávena de água quente

Para a massa

  • 12 ovos
  • 1 lata de 400 ml de leite de côco
  • 1 chávena e meia de açúcar branco
  • 1 pitada de sal
  • 2 colheres de sopa de amido de milho
  • Bebida vegetal de côco
  • Vinho do Porto e canela a gosto

Coloca-se os ovos inteiros, o leite de côco, o açúcar e o sal numa tigela e bate-se bem. Depois dissolve-se o amido de milho na quantidade necessária de bebida vegetal de côco e mistura-se com os restantes ingredientes. Por fim, junta-se o Vinho do Porto e a canela até obter uma mistura harmoniosa de sabores e reserva-se.

Num tachinho, prepara-se o caramelo e cobre-se bem o interior da forma de pudim com ele ainda quente. Deita-se o preparado dentro da forma, coloca-se a tampa e fecha-se bem com cordel de culinária.

Coloca-se a forma numa panela de pressão em banho-maria e leva-se a panela ao lume. Assim que a panela de pressão levantar fervura, deixa-se cozinhar entre 25 e 30 minutos. Ao fim desse tempo, retira-se a forma da panela e deixa-se arrefecer.

O pudim só se desenforma quando estiver frio para não haver o risco de se desfazer.

 

E bom apetite :)